Uncategorized

Embarcações electro-solares são hipótese para novo Aeroporto do Montijo

Numa altura em que se fala cada vez mais do novo Aeroporto do Montijo, há algumas reflexões a fazer, sobretudo no que toca ao transporte de passageiros de e para este novo terminal internacional. Uma das hipóteses em cima da mesa é o recurso a embarcações electro-solares.

Já que falamos de uma construção nova de raiz, há a hipótese histórica de fazer tudo bem logo de início. E fazer tudo bem implica minimizar a pegada de carbono do novo aeroporto, sendo uma das formas, recorrer a meios de transporte movidos a energias alternativas e não poluentes. É aqui que entram as embarcações electro-solares.

 

Embarcações electro-solares: porque são a escolha acertada?

Teremos todas as vantagens em delinear uma ligação marítima a Lisboa, com carreiras regulares por barco, evitando os incómodos do tráfego, já de si bastante intenso, e também o nível de poluição com que a região da Grande Lisboa já se debate.

Nada melhor, para isso, do que iniciar esta ligação com recurso a embarcações electro-solares. Além das vantagens evidentes da diminuição da poluição, esta opção permite também poupanças significativas em termos de custos fixos com combustível, sendo, por isso, uma alternativa bastante interessante para as empresas de transportes.

 

Um consórcio de desenvolvimento de embarcações electro-solares para servir de exemplo

Se as empresas de transportes concessionadas optarem por esta via – a via mais correta em termos ambientais -, isso pode bem servir de exemplo para outras partes do país, da Europa e até do globo, com todas as vantagens inerentes e com um significativo impacto ao nível do aquecimento global.

A Sun Concept está habilitada a desenvolver embarcações electro-solares especificamente concebidas para o transporte de passageiros, promovendo consórcios de construção naval que possam, inclusive, constituir uma referência de nível internacional.

Para mais informações sobre embarcações electro-solares, contate-nos

Please follow and like us:
Uncategorized

Barcos solares em linha com objetivos das Nações Unidas…

Os barcos solares estão em linha com os 6 objetivos que Portugal assumiu da agenda 2030 das Nações Unidas para o desenvolvimento sustentável. Dos 17 objetivos traçados pela ONU, Portugal assumiu como prioridades:

  • Educação de qualidade e igualdade de oportunidades
  • Educação para práticas de cidadania, acabando com a discriminação de género
  • Crescimento económico equilibrado e coesão territorial e social – progresso e inovação tecnológica com práticas sustentáveis, investimento em infraestruturas sustentáveis, resilientes, aproximação dos centros de produção de conhecimento às empresas
  • Ser contra todas as formas de discriminação, promover a diminuição da pobreza e exclusão social, diminuindo desigualdades e elevando o rendimento das famílias
  • Estar em linha com o acordo de Paris e com o protocolo de Quioto, reduzindo a emissão de gases com efeito de estufa entre 30 e 40% (em relação a 2015) e promovendo a criação de empregos associados a tecnologias de baixo carbono.

Sendo Portugal o maior estado costeiro da União Europeia, com o mar na sua história, geografia e identidade como país, é imperativo pugnar pela defesa dos oceanos e pela exploração sustentável dos seus recursos, com respeito pela biodiversidade marinha. E, nada melhor para isso do que a opção responsável por barcos solares.

 

Barcos solares vão ao encontro de todos os objetivos assumidos

Os barcos solares não emitem gases com efeito de estufa, recorrendo única e exclusivamente à energia do sol para se movimentarem. Além disso, também não emitem poluição sonora, não perturbando os ecossistemas envolventes e possibilitando passeios tranquilos e muito agradáveis.

Por outro lado, os barcos solares são também um precioso auxílio para a sua carteira, uma vez que permitem poupar muito dinheiro em combustível. Além disso, a sua utilização ainda permite o desenvolvimento do turismo sustentável, sobretudo em áreas menos desenvolvidas, como o interior do país. Por tudo isto, vale a pena a mudança para os barcos solares!

Para saber mais ou adquirir barcos solares, contate-nos

Please follow and like us: